17 Junho 2024

Protegendo sua Privacidade: O Impacto das Empresas de Tecnologia na Pegada Digital dos Usuários

2 min read

Recentemente, uma pesquisa destacou que um impressionante 85% das pessoas não têm consciência de que empresas de tecnologia estão coletando e comercializando dados extraídos da pegada digital dos usuários para criar perfis de dados.

O uso da internet tornou-se quase inevitável em nossas vidas diárias, seja para trabalho, estudo, compras ou acesso à informação. No entanto, cada interação online deixa uma pegada digital que pode ser capturada e vendida por empresas de tecnologia, algo desconhecido por uma grande maioria, como revelou a pesquisa.

Mas como exatamente essas empresas coletam esses dados? Cada visita a um site ou interação digital é registrada, construindo um histórico de pesquisa que algumas empresas compilam sistematicamente para criar esses perfis de dados.

Steffan Black, especialista em tecnologia da Zenshield, aponta que esses perfis oferecem uma visão detalhada da personalidade online de alguém e são negociados lucrativamente em um mercado de dados não regulamentado.

Apesar de ser uma prática disseminada, muitos usuários não têm conhecimento de que suas informações pessoais estão sendo usadas sem seu consentimento, o que pode resultar em publicidade direcionada, aumento de crimes cibernéticos e propagação de desinformação.

Para proteger nossa pegada digital, é essencial ficar atento ao compartilhamento de dados, já que a maioria dos roubos de identidade ocorre quando informações pessoais são compartilhadas inadvertidamente. A atualização das configurações de privacidade nas redes sociais e o uso de criptografia e VPN são passos importantes para proteger nossas atividades online e reduzir a quantidade de informações fornecidas às empresas.

Com o crescente uso da tecnologia, surge uma maior quantidade de riscos à privacidade. Proteger nossas pegadas digitais e a sociedade como um todo torna-se, assim, responsabilidade de cada um de nós.

Esses são passos cruciais para preservar a privacidade em um mundo digital cada vez mais intrusivo, como destacado por Steffan Black ao afirmar que todos devemos assumir a responsabilidade de proteger não apenas nossas pegadas digitais, mas também as da sociedade como um todo.